Business Owner: O Papel Catalisador da Agilidade de Negócios

“Agilidade de Negócios se faz com líderes de negócios que atuam como agentes de mudança a partir do nível estratégico da organização.”

No artigo anterior, apresentei o conceito de Agilidade de Negócios como uma nova área do conhecimento que tem por objetivo estimular o desenvolvimento de capacidades organizacionais que viabilizem:

  1. Responder rapidamente às necessidades dos clientes e demais partes interessadas,
  2. Adaptar-se às mudanças e tendências de um mercado cada vez mais digital,
  3. Acelerar o crescimento pela conquista de diferenciais competitivos,
  4. Realizar as transformações necessárias de forma sustentável.

Também observei que a Agilidade de Negócios tem sido tratada como a terceira onda da Agilidade e o modus operandi das empresas que se destacam na Nova Economia Digital. Ou seja, o desenvolvimento da Agilidade de Negócios pode representar uma vantagem competitiva para a empresa, tornando-se um estado desejado da liderança.

Pois bem, quantos líderes e gestores você conhece que estão preparados para atuar com um modelo mental baseado nas abordagens Lean, Ágil e Exponencial na perspectiva de negócios? Como os valores, princípios e práticas desses modelos podem impactar positivamente a vida desses profissionais no contexto VUCA da Nova Economia Digital?

O objetivo deste artigo é despertar no leitor o senso de urgência para o desenvolvimento do papel de Business Owner como catalisador da Agilidade de Negócios em suas organizações.

Afinal, o que é um Business Owner?

Business Owner é um termo em inglês muito utilizado para referenciar os empresários de uma organização. Tipicamente, ele identifica os principais investidores (donos de fato) que dirigem uma empresa, com poder de influência a partir de seu status e hierarquia. Neste contexto, o termo Owner dá um sentido de posse sobre o negócio.

Podemos lembrar também da expressão Business Ownership, que busca despertar o sentimento de propriedade sobre o negócio. É muito comum ouvir gestores dizendo que querem despertar o “sentimento de dono” nos membros de suas equipes a fim de estimular o comprometimento com a qualidade dos produtos ou com os resultados de negócio. Neste contexto, o termo Owner dá um sentido de responsabilidade sobre um determinado contexto de negócio.

Como terceira abordagem, o termo Owner tem sido associado ao conceito de líder, da mesma forma que o framework Scrum o associa ao papel de Product Owner (líder de produto). Um Business Owner seria um líder de negócio que inspira a mudança e guia a transformação mediante novos modelos de gestão e cultura organizacional. Neste contexto, o termo owner dá um sentido de autoridade, que deve ser conquistada por respeito e influência, não por imposição de qualquer natureza.

Afinal, o que é um Business Owner? Um papel de liderança que deve ser exercido por qualquer gestor que tem a responsabilidade e a autoridade de evoluir as capacidades organizacionais num determinado contexto de negócio.

Quais as responsabilidades de um Business Owner?

No contexto da Agilidade de Negócios, o primeiro framework que incorporou esse papel nos seus modelos foi o Scaled Agile Framework (SAFe). Nele, os Business Owners são identificados como um pequeno grupo de partes interessadas que têm como principal responsabilidade técnica e de negócios a governança, a compliance e o retorno sobre o investimento (ROI) de uma solução desenvolvida por um Agile Release Train (ART) – uma equipe de longa duração formada por times Ágeis que, junto com outras partes interessadas, desenvolvem, entregam e, quando aplicável, operam uma ou mais soluções em um fluxo de valor da organização.

No Guia de Referência do Agile Business Owner, um projeto que idealizamos em 2019 para sistematizar a adoção deste papel nas organizações, estendemos as responsabilidades básicas do SAFe para os seguintes elementos:

  1. O VALOR entregue às partes interessadas (na forma de novas capacidades e resultados de negócio), incluindo o Retorno de Investimento (ROI) sobre as iniciativas que lidera;
  1. A ESTRATÉGIA de desenvolvimento de novas capacidades para a alavancagem de resultados, incluindo seus objetivos de negócio e roadmap de evolução;
  1. As INICIATIVAS de mudança (portfólio de projetos) num determinado contexto, incluindo a orquestração das partes interessadas;
  1. A GOVERNANÇA executiva, contemplando a gestão de processos, papéis, autoridades, responsabilidades, estrutura, políticas e regras;
  1. A CONFORMIDADE com as políticas, normas e regras do seu contexto de negócio;
  1. A CULTURA ORGANIZACIONAL de seu contexto, tendo como base as abordagens Lean, Ágil e Exponencial.

Com base nos itens acima, podemos concluir que o papel de um Business Owner demanda competências de liderança executiva e vai além da coordenação de uma equipe no nível operacional. Na prática, entendemos que qualquer cargo de gestão com impacto direto nos resultados de negócio deve atuar como Business Owner, sendo catalisador de mudanças na busca da Agilidade de Negócios:

  • Todos os membros do C-level (CEO e demais CxOs),
  • Todos os membros da Diretoria Executiva (pensamento estratégico),
  • Gerentes de nível executivo e líderes de programas estratégicos,
  • Gerentes de Produtos (Product Managers).

Agilidade de Negócios se faz com Líderes de Negócios!

Você atua em algum dos cargos citados acima? Você se sente responsável pelos seis elementos que eu apresentei na lista anterior? Você se sente responsável pelo desenvolvimento de novas capacidades organizacionais que podem viabilizar a Agilidade de Negócios na sua empresa? Você se sente capacitado para liderar as mudanças necessárias com base nas abordagens Lean, Ágil e Exponencial? Quem mais você conhece que está engajado neste desafio?

Como temos repetido incansavelmente para nossos clientes e em diversas palestras sobre este tema:

“Falar de processos e ferramentas como se estivéssemos falando de negócios é uma grande miopia em gestão empresarial. Falar de Agilidade de Negócios sem a presença dos Líderes de Negócio é um grande erro conceitual e de estratégia organizacional.”

Chegou a hora dos Business Owners entrarem em campo! Agilidade de Negócios se faz com líderes de negócios visionários que atuam como agentes de mudança a partir do nível estratégico da organização (abordagem top-down). Para isso, a alta gestão terá que evoluir suas crenças sobre gestão e liderança para desenvolver novas competências que acelerem a transformação organizacional.

Por onde começar?

Agile Business Owner

Você deseja saber como o modelo de Agile Business Owner™ pode tornar a Agilidade de Negócios uma realidade em sua organização? Entre em contato conosco para conhecer nossas soluções em consultoria, mentoria e educação executiva especializada no desenvolvimento profissional de líderes para a Agilidade de Negócios.

Related Articles

Responses